Você já conhece o golpe da mão fantasma?

Saiba tudo sobre a nova fraude que faz você ver todos os seus dados sendo roubados em tempo real, pela tela do seu celular.

O que é?

O Golpe da Mão Fantasma, também conhecido pelo Golpe do Acesso Remoto, é uma nova categoria de golpe de alto risco que ataca exclusivamente dispositivos móveis, sendo descrito pelos especialistas como “uma mão invisível, que usa o seu celular bem na sua frente”. A nova modalidade de golpe já totaliza mais de 40 mil vítimas no Brasil e em países da América Latina e voltou com força total durante o período da pandemia.

Como funciona?

O golpe normalmente começa com uma ligação na qual o criminoso se apresenta como funcionário de uma instituição financeira. As abordagens são variadas, mas, no geral, costumam causar um impacto emocional, afirmando que há uma movimentação estranha na conta, compras suspeitas, tentativas de invasão na conta, e até mesmo solicitação para atualizar mecanismos de segurança no aplicativo.

O golpe acontece quando o “atendente” solicita a instalação de um app para rastrear a suposta transação alegando que seria para descobrir quem estaria usando seu app BB.

Os falsos funcionários são cordiais, falam bem, usam recursos tecnológicos, como as gravações das centrais, e simulam transferências para outros atendentes. Podem, inclusive, mascarar o número do telefone, se passando por falsas centrais bancárias. Caso você instale esse app os criminosos terão acesso a todo o conteúdo do seu celular.

Como eu posso me proteger?

Os bancos não ligam solicitando a instalação de nenhum tipo de aplicativo.

 

Não cadastre a mesma senha usada no banco em outros serviços.

 

A forma oficial de baixar o App BB é realizada pela loja de aplicativos do seu celular.

 

Nunca instale apps desconhecidos.

 

Desconfie de mensagens que falem sobre benefícios exagerados ou com senso de urgência.

 

O BB não faz ligações do número 4004-0001, ele é somente para falar no WhastApp e ligar na Central de Relacionamento.

Todo cuidado é pouco com seus dados. Dê preferência a utilizar aparelhos telefônicos só para o fim de acesso aos dados bancários. Muitas pessoas já decidiram por utilizar um aparelho separado somente para acesso às informações mais importantes, que geralmente são da área das finanças como investimentos e acessos bancários.

Deixe um comentário